Posts

Airbus A330-900neo

O A330-900neo é o derivado do Airbus A330-300 com novos motores. O birreator pode transportar entre 277 a 440 passageiros e é muito flexível nas opções de configuração de assentos com conforto e alta qualidade a todos aqueles a bordo. Sua cabine é também um dos mais silenciosos nos céus, criando um ambiente calmo para um voo inteiro.

Construído sobre o sucesso comprovado de sua família popular widebody A330, a Airbus lançou oficialmente o A330neo (nova opção de motor – Rolls Royce RR Trent 7000) compreendendo o A330-800neo e A330-900neo em julho de 2014.

Lançado em julho de 2014, o A330neo é a última geração da linha de produtos A330 líder do mercado da Airbus, e possui duas versões: o A330-800 e o A330-900. Ambas as aeronaves widebody incorporam os novos motores Rolls-Royce Trent 7000, e as novas naceles, suportes de motor de titânio, novas asas, e uma Cabine de Passageiros Airspace by Airbus.

As novas características mais visíveis do A330neo são as novas envergaduras de asa com um total de 64m (maior que a envergadura de 60,3m do CEO) e os especialmente desenvolvidos Sharklets de asa curvos – que se baseiam na tecnologia do A350 XWB. Menos visível, mas igualmente importante, é a implementação de aprimoramentos aerodinâmicos aperfeiçoados em 3D ao longo do perfil geral da asa.

Enquanto isso, os motores Trent 7000 oferecem melhorias de dois dígitos na queima de combustível e a operação mais silenciosa graças aos mais recentes componentes de tecnologia, materiais, nova entrada de ar “zero-splice” e nacele de materiais compósitos, o suporte de motor “fully-flared” e também o maior rotor dianteiro (112 polegadas de diâmetro) de rotação mais lenta, com uma razão de diluição de 10:1 – em comparação com a razão típica de 5:1 dos motores turbofan de gerações anteriores.

Tanto o A330-800 como o A330-900 acomodarão até 10 passageiros a mais do que seus respectivos antecessores, graças aos seus novos interiores Airspace, que apresentam diversos viabilizadores na cabine para liberar um espaço mais útil de cabine – garantindo assim que cada passageiro possa se beneficiar de um nível de conforto real e de uma experiência em voo significativamente melhores em comparação com o que é oferecido por qualquer aeronave concorrente do mercado em sua categoria. O A330-900 maior acomodará até 287 assentos em um layout típico de três classes, enquanto o A330-800 normalmente acomodará 257 passageiros em três classes.

Até o momento, 12 clientes fizeram encomendas totalizando 212 A330neos.

A330-900Neo

Passageiros: 277 a 440 assentos
Autonomia Padrão: 12.130km (6.550 milhas náuticas )

Comprimento (Length) : 63,66 metros
Envergadura das Asas (Wing Span): 60,30 metros
Altura (height): 16,79 metros
Peso Máximo de Decolagem (Max takeoff) : 242.000kg
Velocidade Máxima de Cruzeiro: Mach 0,86

Motores: 2x Rolls Royce RR Trent 7000

Fonte: Aviação Brasil

Novo H160 da Airbus Helicopters representa uma transformação

Fabricante europeu deseja mudar a fabricação e o apoio de seus helicópteros

O novo helicóptero H160 da Airbus Helicopters, um biturbina de médio porte, além de ser uma valiosa adição a abrangente família de asas rotativas, é uma espécie de catalisador da transformação na maneira com que são hoje fabricados e no suporte pós-vendas dessas aeronaves. A Airbus lançou o H160 em 2015 como um substituto modernizado de seus biturbinas AS365 e H155.

Durante muitos anos a Airbus Helicopters (ex-Eurocopter), tinha a imagem de fabricante de excelentes aeronaves, que não foi acompanhada pela qualidade de seus serviços pós-vendas. A mudança deste quesito aconteceu com o novo CEO, Guillaume Faury, que assumuiu a presidência em 2014.

Faury fez mudanças drásticas com relação à disponibilidade de peças e componentes, melhorando os prazos de entrega, adequando seus preços, desenvolvendo um programa consistente de garantia do produto, chamado H Care.

Dois protótipos do H160 se encontram em ensaios de voo recebendo em breve a companhia de uma terceira aeronave. A certificação é esperada para 2019. A aeronave apresenta uma célula toda em material compósito com linhas arrojadas e estilo futurístico diferente de tudo que se encontra no mundo das asas rotativas. O piso da cabine é plano, as janelas são super dimensionadas e o compartimento de carga acolhe até 300 kg. A cabine pode ser configurada para quatro ou oito passageiros ou até 12 passageiros na versão utilitária.

Original: Aero Magazine