Honda NX650 – Street Tracker da Dab Design “LM-O”

Existem preparações que merecem pela sua genialidade a nossa atenção e destaque. Esta NX650 intitulada “ LM-O” foi concebida por Simon Dabadie da Dab Design em conjunto com os preparadores espanhóis Café Racer SSpirit de San Sebastian.

A designação adotada de LM significa que na preparação da NX650 foi utilizada LIN Fiber, ou seja fibra de linho, que ao contrário da fibra de vidro é muito mais leve e tem uma resistência comparável à fibra de carbono. É por isso uma alternativa mais ecológica que as referidas anteriormente.

A fibra de linho é muito utilizada em outras indústrias tais como no fabrico de pranchas de surf, móveis, skis e pranchas de snowboard… no entanto neste caso é absolutamente original e inédito pois não se conhece nenhuma outra moto que antes tenha utilizado este material.

Simon foi o autor do design da moto e executou a mesma, peça por peça, em 3D. A partir dos desenhos 3D foi utilizada uma impressora também 3D para produzir os moldes que posteriormente serviram para fabricar as várias peças; A fibra de linho tem um bonito acabamento e textura e tem mais outra particularidade; por exemplo os faróis LED estão ocultos pela placa de número anterior e quando acesos a luz atravessa a mesma. Um efeito deveras espectacular.

Dentro de um conceito minimalista e pensando na funcionalidade e no look enduro vintage final, Simon concebeu totalmente o seu projecto em 3D com uma definição de cada elemento ao seu mais ínfimo pormenor, nas formas, nas texturas, nas cores e acabamentos. Os primeiros a serem desenhados foram o depósito, o guarda lamas e a placa frontal. A partir dos desenhos terminados foram produzidos os moldes numa impressora 3D que para produções simples se torna um processo muito menos oneroso.

Outras peças para serem maquinadas em CNC fora também desenhadas ao pormenor em 3D, exemplo das mesas, dos punhos e o tampão de depósito. A posição de condução é muito colada à de um piloto de motocross, chegada à frente e numa posição quase agressiva. O guiador é um Renthal Twinwall e montaram “risers” da Nekken com manetes e de travão e embraiagem da Roland Sands. As jantes originais de 21” e 17” foram substituídas por duas de 18” com pneus Heidenau K67. O escape foi totalmente alterado e monta uma ponteira curta da Supertrapp.

A parte de alteração do quadro e do sub-quadro foi realizada pela Café Racer SSpirit em San Sébastian, Espanha, assim como outras pequenas intervenções.

Simon refere que está preparado a partir de agora para aceitar outras preparações semelhantes à sua Tracker pois o processo está testado e funciona. Antes de cada preparação os clientes podem visualizar com precisão e ao pormenor o resultado final, participando inclusivamente na definição dos ajustes finais que pretendam.

Fonte: Motor24

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *